Sócios

Conselharia da Agricultura, Ganadaria, Pesca e Desenvolvimento Sustentável

La Conselharia da Agricultura, Ganadaria, Pesca e Desenvolvimento Sustentável da Junta da Andaluzia, tem competências na agricultura, ganadaria, alimentação, meio ambiente, água e alterções climáticas. Entre estas: a conservação, uso sustentável, melhoria e restauração do património natural e da biodiversidade da Andaluzia; o fomento do desenvolvimento socio-económico sustentável em relação com o património natural e, especialmente, dentro dos espaços naturais protegidos, assim como o uso público com eles relacionado; a gestão integrada da qualidade ambiental, incluida a responsabilidade do meio ambiente e reparação de danos ao meio ambiente.

Mais informação…

https://www.juntadeandalucia.es/organismos/agriculturaganaderiapescaydesarrollosostenible.html

AGÊNCIA DE MEIO AMBIENTE E ÁGUA DA ANDALUZIA

A Agência de Meio Ambiente e Água da Andaluzia (AMAYA) é uma agência pública empresarial. Como gestora da encomenda do Plano INFOCA, é uma entidade com bastante experiência e competências em acções operativas, preventivas e em estudos técnicos no contexto dos incêndios florestais. Em investigação, cabe destacar o trabalho desenvolvido pelo pessoal da AMAYA ou a gestão do conhecimento do dispositivo INFOCA, entre outros, ao qual se junta a Equipa Regional de Queimas da Andaluzia (ERQUA), que desenvolveu o uso das queimas prescritas na Andaluzia e a formação em fogo técnico ao pessoal da INFOCA.

Mais informação…

https://www.agenciamedioambienteyagua.es/

Estação Biológica de Doñana

A Estação Biológica de Doñana é um Instituto Público de Investigação que pertence ao Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC), dentro da área de Recursos Naturais. A sua missão fundamental é levar a cabo uma investigação multidisciplinar ao mais alto nível, e dirigida à compreensão, desde um ponto de vista evolutivo, da forma como se gera a biodiversidade, a forma como se mantém e deteriora, além das consequências da sua perda e das possibilidades da sua conservação e restauração.

Mais informação

http://www.ebd.csic.es/inicio


Fundação Finnova

A Fundação FINNOVA é uma entidade privada espanhola sem fins lucrativos. A Finnova tem como missão a de ser tractor da inovação para os jovens e promove a inovação aberta, o espírito empresarial e startups, evitando a deslocalização da actividade económica e atraíndo inversões num contexto de competência global. A FINNOVA actua como impulsionador de iniciativas no campo de prevenção e adaptação às alterações climáticas, o impulso ao empreendimento e ao emprego.

Mais informação

http://www.finnova.eu/


CONSELHO PROVINCIAL DE HUELVA

A Disputa Provincial de Huelva é uma institução pública que presta serviços directos aos cidadãos da província de Huelva e apoio técnico, económico e tecnológico às comunidades dos 80 municípios integrados na provincia. Entre as saus funções, coordena alguns serviços municipais e organiza diferentes serviços de carácter supramunicipal. Tem a sua sede central na cidade de Huelva.

Mais informação

http://www.diphuelva.es/


UNIVERSIDADE DE HUELVA

A Universidade de Huelva (UHU) é um centro de educação superior público da provincia de Huelva. Conta com pessoal investigador especializado em incêndios florestais, tanto dentro do campo científico das Ciências Agroflorestais como da Geografia. O dito pessoal desenvolveu experiência laboral, docente e investigativa na matéria. A UHU conta, dessa maneira, com as infraestructuras e equipamentos necessários para desenvolver investigações no âmbito dos incêndios florestais.

Mais informação

http://www.uhu.es/index.php

GALPAGRO

A Asociação Agrupamento de Produção Integrada GALPAGRO (GALPAGRO) é uma entidade privada ligada ao sector da agricultura há mais de 25 anos. Com grande experiência nesse sector, a sua assessoria a pequenos agricultores e em diferentes explorções agrícolas presta apoio técnico dirigido a uma agricultura de vanguarda que combine a productividade e o desenvlvimento sustentável através de um nuevo modelo de negócio.

Mais informação

https://www.galpagro.com/


UNIVERSIDADE DE CÓRDOVA

A Universidade de Córdova (UCO) é um centro de ensino superior público da província de Córdoba. É responsável pela formação académica na licenciatura em Engenharia Florestal e no mestrado em Incêndios Florestais, Ciência e Gestão Integral. Além das competências de formação universitária, a Universidade de Córdova possui uma vasta experiência (mais de 25 anos) em pesquisa em defesa contra incêndios florestais.

Mais informação

http://www.uco.es/


UNIVERSIDADE DE CÁDIS

A Universidade de Cádis (UCA) é um centro público de ensino superior da província de Cádis, que tem demonstrado capacidade para resolver os desafios e problemas da sociedade, especialmente os relacionados com o meio ambiente. Como instituição de ensino superior, pesquisa e transferência, possui grande capacidade de adaptação à demanda tecnológica em setores-chave, como o de veículos aéreos não tripulados.

Mais informação

https://www.uca.es/


Junta de Extremadura

O Conselharia da Agricultura, Desenvolvimento Rural, População e Território (JuntaEX) é uma conselharia que faz parte da Junta da Extremadura, exerce competências regionais em matéria de agricultura e pecuária, desenvolvimento rural, ordenamento e gestão florestal, caça e pesca, prevenção e extinção de incêndios florestais, ordenamento do território, urbanismo e política de interiores na Comunidade Autónoma da Extremadura. Também exerce competências em matéria de sociedades cooperativas e trabalhistas, bem como de política demográfica e populacional.

Mais informação

http://www.juntaex.es/con03


INDEHESA

 O Instituto de Investigação Universitária Dehesa (INDEHESA) é um centro de I+D dependente da Universidade da Extremadura criado para contribuir para o desenvolvimento dos objectivos gerais da Universidade da Extremadura e do Sistema de I+D+i da Extremadura. Especificamente, o seu objetivo principal é promover a pesquisa básica e aplicada no campo da operação, manejo, valorização e conservação de sistemas agroflorestais de uso múltiplo e especialmente o Dehesa por sua relevância para o conhecimento científico e bem-estar social, como o mais extenso sistema agroflorestal em Europa.

Mais informação

https://indehesa.unex.es/


Centro Tecnológico CARTIF.

CARTIF é um centro horizontal de investigação aplicada, legalmente é uma fundação privada e sem fins lucrativos, surgida da Universidade de Valladolid, cuja missão é oferecer soluções inovadoras às empresas para melhorar os seus processos, sistemas e produtos, melhorando a sua competitividade e criando novas oportunidades de negócios. A CARTIF desenvolve projetos de I + D + i financiados diretamente por empresas ou através de fundos públicos obtidos em concursos a nível nacional e internacional. A CARTIF também assessora administrações públicas (províncias e governos regionais) no planeamento e desenvolvimento de projectos inovadores com alto retorno económico.

Mais informação

https://www.cartif.es/


Conselho Provincial de Ávila

O Conselho Provincial de Ávila é o órgão que corresponde ao governo e administração da província de Ávila. Entre as suas funções fundamentais está a cooperação com os 247 municípios de Ávila, especialmente os mais pequenos, bem como a prestação de assistência técnica e jurídica aos municípios.

Mais informação

https://www.diputacionavila.es/


Universidade de Vigo

A Universidade de Vigo (UVigo) é um centro de ensino superior público da província de Vigo, que desenvolve a sua actividade com independência administrativa no âmbito do Sistema Universitário Galego e faz parte da Comissão Interuniversitária Galega (CiUG), órgão do Ministério de Educação e Planeamento Universitário da Junta de Galicia. Em 2010, a universidade passou a ser o centro do campus interuniversitário de excelência internacional Campus del Mar, no qual participam as três universidades galegas e várias do norte de Portugal, bem como o IEO e o CSIC.

Mais informação

https://www.uvigo.gal/es


Centro Tecnológico EnergyLab

O Centro de Tecnologia de Energia (LAB EnergyLab) é um centro de tecnologia privado, sem fins lucrativos, que desenvolve atividades de I + D + i desde setembro de 2008. Dirigido por um conselho curador formado por entidades públicas e privadas, tem como objetivo melhorar a competitividade do tecido empresarial através do desenvolvimento de projectos inovadores que melhorem o desempenho energético e reduzam o impacto ambiental das suas atividades.

Mais informação

https://energylab.es/

Contacto: Dolores Mariño,  dolores.marino@energylab.es

Fundação Empresa Universidade Galega

A Fundação Empresa-Universidade Galega (FEUGA) é uma organização sem fins lucrativos de direito privado, fundada em 1982 e especializada na transferência de conhecimento, inovação e tecnologia do sistema universitário galego para o mundo empresarial e a sociedade em geral. A Fundação é referência na gestão das relações empresa-universidade; na promoção e execução de projetos colaborativos de I + D + i e na implementação, melhoria, gestão ou certificação de inovação empresarial.

Mais informação

https://www.feuga.es/


UNIVERSIDADE DE ÉVORA

A Universidade de Évora é um centro público de ensino superior do concelho de Évora, região do Alentejo. As suas actividades de pesquisa e desenvolvimento (I+D) são distribuídas por 14 centros de pesquisa e 3 cadeiras. De referir a importância das seguintes unidades que detém em relação às áreas do projecto CILIFO: Instituto de Ciências da Terra, Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais do Mediterrâneo e Centro de Investigação em Matemática e Aplicações.

Mais informação

https://www.uevora.pt/


ComunidadE Intermunicipal da região de Coimbra

A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra é uma entidade jurídica de direito público e de natureza associativa, sendo constituída pelos concelhos de Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mealhada, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Mortágua, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua e Vila Nova de Poiares. Tem como missão promover o desenvolvimento dos municípios e reforçar a identidade conjunta da região, respondendo às necessidades comuns dos seus associados.

Mais informação

https://www.cim-regiaodecoimbra.pt


AREAL

Associação privada sem fins lucrativos que conta como associados algumas das mais importantes organizações públicas e privadas do Algarve. As competências e experiência da AREAL estão totalmente relacionadas com a promoção da inovação energética regional, desenvolvendo projetos que visam aumentar a utilização de fontes renováveis de energia; promovendo a redução da poluição atmosférica e do seu impacto ambiental e aumentando a eficiência energética através da introdução das tecnologias mais recentes.

Mais informação

http://areal-algarve.pt


CIMBAL

A Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo é uma entidade colectiva de direito público de carácter associativo e territorial, composta pelos concelhos de Aljustrel, Almodóvar, Alvito, Barrancos, Beja, Castro Verde, Cuba, Ferreira do Alentejo, Mértola, Moura, Ourique, Serpa e Vidigueira.

Mais informação

https://cimbal.pt/ 


Agência Regional de Energia e Meio Ambiente do Alto Minho (AREA AM)

Associação privada sem fins lucrativos resultada da revisão legal da AREALIMA – Agência Regional de Energia e Meio Ambiente do Vale do Lima, com data 20 de Novembro de 2009. AREA Alto Minho beneficiou assim da experiência do seu antecessor que, ao longo dos seus dez anos de existência, concentrou a sua actividade no desenvolvimento de projectos/actividades nas áreas de fontes de energia renováveis, o uso racional da energia, a protecção e promoção do meio ambiente e a formação e sensibilização energética-ambiental.

Mais informação

http://www.area-altominho.pt